Raklot – Cenário (Geografia Parte I)

raklottempNesta postagem, farei um pequeno resumo a respeito da geografia do cenário. Os reinos, costumes, e outras descrições virão nas próximas semanas!

O mundo de Raklot – ao menos o mundo conhecido – é um arquipélago formado por diversas ilhas de tamanhos variados. A maior é Seldros. O mar ao redor das ilhas é temido por todos os povos, que se limitam a manter suas embarcações próximas à costa. Cada povo imagina algo diferente com relação ao mar e os limites do mundo conhecido mas a lenda mais aceita é de que o mar termina em uma grande queda d’água que desaparece num abismo negro interminável.

O clima de Raklot é temperado, com quatro estações. O inverno em Raklot é rigoroso, com nevascas em todo o arquipélago. Mesmo no verão, o céu costuma ser nublado com poucos dias ensolarados. As ilhas são cobertas por florestas antigas e densas e campos com colinas baixas e planícies. Duas cadeias de montanhas – A Espinha da Serpente e As Montanhas De Aço –  cortam a ilha principal e dezenas de rios permitem a pesca. A navegação é possível no maior deles, o Brahn, que nasce nas montanhas de Carmadon, ao norte, e cruza a enorme floresta de Rakaz. As fronteiras entre os reinos não são claras e estas mudam de tempos em tempos, em decorrência de guerras ou mudanças naturais.

Trilhas e estradas de terra são comuns, uma vez que caravanas e viajantes percorrem Seldros o tempo todo. No entanto, apenas no sul, em Vória, há estradas pavimentadas. Ruínas de tempos antigos são uma visão comum para os viajantes e muitas delas escondem segredos milenares.

O norte de Seldros é montanhoso e selvagem, com vales, florestas densas e colinas de pedra. Na região central da ilha, a antiga e imponente floresta de Rakaz cobre centenas de quilômetros com suas árvores gigantescas e pântanos, abrigando todo tipo de animais e criaturas sobrenaturais.

As ilhas menores são territórios pouco conhecidos ou até mesmo indomados, cobertos por florestas.

São poucas as cidades em Seldros, que é repleta de aldeias, povoados e pequenos reinos. O único estado unificado é Vória, ao sul, com três grandes cidades muradas e, ao norte, apenas uma cidade – a cidade de pedra, Hala – de grande porte pode ser encontrada, nas Montanhas de Aço.

No extremo norte, o Mar de Gelo é um lugar de lendas e perigos. Grandes massas de gelo se deslocam, racham e se formam novamente numa das regiões mais inóspitas de Raklot.

 

Na próxima postagem, informações sobre os reinos de Raklot.

Espero seus comentários!

Sobre Gene

Eugênio Cavalcante escreveu 33 posts neste blog.

Eugênio "Gene" Cavalcante Mestrando e jogando qualquer coisa desde 1992.

Comments

  1. Estou curtindo o estilo das postagens. Mas acho que faltaram duas coisas: um mapa ou esboço (sei que vc tem isso) e uma descrição sobre os desertos (tb sei que vc tem isso huahuahua). Continue que o lance tá bom!

  2. Vai ser adaptado diretamente para a 5ª edição ou será um jogo sem sistema?

  3. Vai ser um jogo com sistema próprio, como dito no post anterior 🙂

  4. Olá. Acho que você deveria ter escrito o primeiro post com um overview do cenário. Poderia ter falado brevemente das características que o diferenciam dos outros cenarios, como panteão, povos, magia e até alguns comentários sobre geografia. Acho que atiçaria mais a curiosidade dos leitores. Aguardo os próximos posts pra tentar entender o Raklot. Grande abraço!

Leave a Comment