Balanço do Encontro D30 Old Dragon Day

img_9801Ufa! Depois do nosso último encontro estivemos correndo pra todos os lados, e mal tivemos tempo para dar um retorno pro pessoal que segue pelo site as novidades. Bem, foi muito divertido jogar Old Dragon com o pessoal.
Acreditam que tinha gente que não jogava D&D desde a 2a edição? Pois é, e apesar de OD não ter THAC0, tem percentagens, iniciativa a cada round, e todos já sabem como funciona e se divertiram muito.Preparamos muito material para quem nunca jogou, mas apareceu pouca gente… Vou insistir nos próximos encontros com a ideia do Mallen, que é fazer uma oficina de personagens. Os mestres que quiserem podem encomendar isso, ajudamos a fazer personagens para a sua mesa! Qualquer sistema, que tal?
img_9896Mas, voltando ao Old Dragon Day, foi muito boa a experiência com várias mesas ao mesmo tempo, acho que os jogadores gostaram, e os mestres estavam felizes. Eu não tive tempo de contar, mas o Mr Pop disse que foram 12 mesas, e eu me lembro de 10, então deve estar certa a conta.
Também rolaram outros sistemas, e até um grupo de RPG que pediu uma mesa do encontro para um jogo da campanha deles que já ia rolar de qualquer forma no dia… o que foi genial, sempre que tivermos espaço, estão convidados!

Foi uma pena não termos aproveitado para fazer uma mesa redonda no final, e conversar com o Mr Pop de forma mais organizada, mas acho que ele circulou e falou com quem quis perguntar coisas a ele. Na minha mesa todo mundo ficou bem feliz de saber que um dos caras que fez o jogo estava lá, sentiram uma proximidade legal. É o lado bom de ter mais rpgs nacionais.

dsc09435Fomos almoçar com ele, Menina-Gato, Rafael Thomaz e eu, e assuntamos muito sobre o que rola nos bastidores de editoras nacionais, rpg independente, e encontros pelo Brasil. Preparem-se, o D30 já quer fazer encontros nacionais, editar rpgs, além de dominar o mundo.

Também tivemos uma demonstração de técnicas de luta com espadas ocidentais, e oficina de cenários de papel com o Hackbarth. Precisamos organizar melhor essas coisas nos eventos, porque interessa muito ao pessoal, mas ninguém quer perder as mesas de jogos! Vamos pensar numa solução…Uma experiência que tivemos pela primeira vez foi a venda de produtos. Além da parceria com a Orgutal, que inaugurou suas atividades com o Encontro D30, e encomendou muito material de rpg, fizemos uma banca de venda de livros e jogos usados. Quando fui para os encontros de RPG em São Paulo e mesmo nos EUA, a coisa que eu mais procurei foi comprar jogos usados e raros para completar minhas coleções… sempre senti falta disso e acho que o pessoal que vai nos encontros também.
img_9825Por isso vamos oficilizar isso, quem quiser poderá levar seus livros de rpg e produtos para vender nos encontros. Vamos tentar organizar uma banca para isso, e vamos trazer mais coisas e produzir materiais com a marca do D30. Pedidos?

Agora, cuidado, quem vi ficar a cargo disso é a Menina-Gato, e todos sabem que ela é uma thief famosa por sua lábia… vocês vão acabar comprando lebre por gato…

Até nosso próximo encontro!Ah, outros encontros semelhantes rolaram pelo Brasil na mesma data, confiram o Old Dragon Day em Joinville e Fortleza. É muito bom saber que tem gente se organizando e jogando cada vez mais.

Sobre ML

M L escreveu 147 posts neste blog.

Gosta de fazer intriga em seus jogos, botar medo nos jogadores, e está sempre à procura do sistema perfeito de RPG.

Comments

  1. Mto bom ver que mesmo com toda a diversão e sucesso, vcs buscam sempre melhorar! Gostei da ideias da oficina de personagens, venda de produtos (novos e usados) e de procurar um meio para as atividades extras não chocarem com as mesas. Assim conquistam o Brasil o Mundo mesmo! Kkk! Abs

Leave a Comment