#58 Podcast D30 – Monstros!

“Pessoas gostam de inventar monstros e monstruosidades. Então elas mesmas parecem menos monstruosas. Quando se embebedam ao ponto de enganar, roubar, bater nas esposas, matar de fome uma velha senhora, quando matam à machadadas uma raposa presa à uma armadilha ou o último unicórnio existente com flechas, eles preferem pensar que um monstro invadindo uma cabana ao nascer do sol é mais monstruoso que eles são. Assim se sentem melhor. Acham mais fácil viver.”

– Geralt de Rivia, o caçador de monstros.

Monstros são criaturas que permeiam a esmagadora maioria dos RPG’s existentes. Sejam as criaturas das fantasias medievais, os terrores ancestrais da mitologia cthulhesca, a sede que clama por sangue no interior das bestas racionais, a raça alienígena que é temida pela falta de conhecimento ou mesmo o mal que habita o íntimo dos homens. São inúmeros exemplos daquilo que o ser humano considera uma monstruosidade e que busca enfrentar, mesmo que a si mesmo.

Quando decidimos falar a respeito desse tema, a proposta foi fugir de uma enxurrada de citações de criaturas que poderiam ser usadas nas mesas de jogo. Nosso objetivo com esse podcast é justamente propor formas interessantes de usar monstros diversos (e em cenários diferentes) para sair da mesmice. Temos ideias sobre como melhorar a “apresentação” dos monstros que vão surgindo pelas mesas, assim como propostas diferentes para utilizar essas criaturas em jogo. Para isso, sentamos no conforto de um dos estúdios do D30 RPG para discutir essas dicas preciosas. Então acompanhe esse bate-papo entre Gene Cavalcante, Marcello Larcher e eu – Janary Damacena!

 

| Open Player in New Window

E ATENÇÃO: Não esqueça que seu comentário é fundamental para sabermos o que está indo bem, o que desagrada, temas futuros, sugestões e afins. Então, deixe seu recado aqui no site ou envie pelo nosso Facebook, ou ainda pelo e-mail d30rpg@gmail.com. Também temos um grupo de whatsappaqui está o link, mas pode usar o código QR ali do lado.

Para download clique com o botão direito do mouse e a opção “salvar como” em um dos seguintes links: MP3ZIP. Para acrescentar nosso podcast no I-tunes é só seguir esse endereço.

Um pouco do que a gente falou no podcast:

Dungeons and Dragons

3:16 – Carnificina nas Estrelas

Call of Cthulhu

The Witcher

A Torre do Elefante

A Criatura de Havoc

Horror no Expresso do Oriente

The Thing Hanging in the Void

Tony Diterlizzi

Dead Space

Old Dragon

Rafael Beltrame

Mordenkainen’s Tome of Foes 

Mundo das Trevas

Night’s Black Agents

Night of the living dead

Libris Mortis

Draconomicon

Rise of Tiamat

Lords of Madness

Monstrous Arcana

Elaine Cunningham

Raklot

Game of Thrones

Caçador de Trolls

Rastro de Cthulhu

A Guerra do Velho

Frankenstein

 

Sobre Janary Damacena

Janary Damacena escreveu 99 posts neste blog.

Sempre interessado em narrações fantásticas e de horror, apreciador de boa interpretação e defensor da regra de ouro.

Comments

  1. Curti!

    Falaram de café? Acho que estavam pensando no podcast Café com Dungeon…

    Vocês acham que o mestre pode alterar as estatísticas do monstro no meio do combate para deixar o combate mais fácil ou mais difícil?

    1. Author

      Fala Marcelo, tudo certo por aí? Bom, sobre o café, não passou pela minha cabeça falar do Café com Dungeon não, mas é pq desde que gravamos o podcast sempre tomamos uma garrafa e isso desde 2011 quando começamos essas gravações hehehehe

      Sobre alterar as estatísticas de combate no meio da batalha, eu não sou tão favorável a não ser em casos muito especiais. Geralmente as mudanças em algo que já está rolando podem mudar completamente o resultado do combate (para o bem ou para mal), então eu sou mais adepto da preparação prévia. Se ficar fácil é mérito dos jogadores, se ficar difícil é mais emoção pra eles. Mas claro que em alguns momentos isso pode ser feito para tornar a história mais legal.

Leave a Comment